Eu, céu

O amor eu apenas sinto, muito pouco consigo descrever em palavras assim como muito pouco consigo descrever a sensação que é olhar para ti assim como  muito pouco consigo descrever-te apenas sei dizer embora muito simples o quanto de amor cabe em mim por você meu eu, céu; meu tão eu em vida que me... Continuar Lendo →

Viktor, o grande

Tantos anos vi serem jogados fora. Eu os joguei. Foi tempo.  Enquanto caminhava, só conseguia formular em minha mente a canção Gravity de John Mayer, estava a cantar, mentalmente, enquanto as lágrimas caiam.  A gravidade naquele momento era o fim, e muito pelo contrário, eu não a queria longe de mim, só ela poderia me... Continuar Lendo →

Vênus

quente, tão quente posso senti-la de longe ali estás distante de mim e ainda assim, que brilho traz ilumina minha alma luz à minha escuridão descarrega tão grande vazio em meu coração contemplo-te às alturas onde me lanças  em privilégio, estimulante quentura quão grande enlaço  tu tens me dado, abrigando-me cá do que um dia... Continuar Lendo →

Diálogo com a morte

Morte, substantivo feminino que segundo o Dicionário Online de Português: “óbito ou falecimento; cessação completa da vida, da existência. Extinção; falta de existência ou ausência definitiva de alguma coisa: morte de uma espécie; morte da esperança; morte de uma planta." Todos os dias passo um tempo pensando na morte, esclareço de antemão que, deduções sobre... Continuar Lendo →

Voo de três anos

Todos temos alguém que nos faça voar. E voamos. Quer seja um voo curto, quer seja um voo longo, apenas voamos. E eis que resolvi compartilhar meu voo, esse no atual momento, de três anos. E este voo, acredite, não tem previsão de aterrissagem.

Canis Major

Orgulho-me em dizer que amo observar o céu, pois quão profundos são meus pensamentos nessa hora! É como viajar pelo universo através de minha imaginação, e isso é terapia para minha alma, além de ser minha maior fonte de inspiração, uma repleta odisseia! E que clarão em minha mente! Quatro anos após ter, por fim, superado essa antiga paixão, reconheci, enquanto olhava para Sirius que a mesma tem, claramente, algo em comum com essa pessoa, que hoje, felizmente, não tenho mais contato; ambas sempre estiveram a oito anos-luz de distância de mim, literal e figuradamente. Vale a pena devanear nessa reflexão e em parte, ensino.

Nota sobre domingo

Domingo, o pior dia da semana para uma ótima produção, mas como eu mencionei em Nota sobre Domingo: dias terríveis fazem com que eu funcione bem. Certamente é um ótimo dia para se sentar no quintal de casa e olhar para o céu. E assim sendo, compartilho que eu voei para longe, inerte, inspirei e expirei, olhei para cima, para além do que normalmente vejo e deduzi, eu vivo...

Ramona

Ramona é um conto sobre duas adolescentes, antes amigas, mas que, no momento da trama, possuem sentimento e atração grandes já desenvolvido pelas duas há algum tempo. Ambas as personagens nunca tiveram contato com uma experiência homossexual, o que muito provavelmente não saberão como lidar com a situação, ou sim. Trata-se de descoberta, mas ao mesmo tempo, de perda. De ter aquilo que se deseja, mas não possuir pelo medo.

Site no WordPress.com.

Acima ↑

Poeta no divã

Poesia, psicanálise, cinema et al

BLOG SABEDORIA DO AMOR

A POESIA COMO TERAPIA DE VIDA

Tornando-se Alguém

textos autorais

REBLOGADOR

compartilhamento, humanismo, expressividade, realismo, resistência...

Tem Flor

Liberdade é pra ser Livre!

Crie um novo site no WordPress.com
Comece agora